Uma boa parte do filme Assassin’s Creed, da 20th Century Fox, será ambientada no presente e não no passado, e a Ubisoft tem uma boa razão para isso. Durante a E3 o produtor Frank Marshall, falou sobre essa mudança “criar uma história nova, que pudesse expandir a mitologia da franquia e, ao mesmo tempo, oferecer uma experiência rica ao público de cinema”.

Além de Assassin’s Creed, a Ubisoft também está criando filmes inspirados em Splinter Cell (com Tom Hardy), Watch Dogs (com a Sony), Ghost Recon (com a Warner Bros.), Rabbids (com a Sony) e já começou a trabalhar em uma versão cinematográfica de The Division (com Jake Gyllenhaal). Stephan Simard (vice-presidente global de marketing da Ubisoft) não soube dizer qual projeto tem mais chances de ser finalizado antes, mas falou que a Ubisoft Motion Pictures está focada em longas-metragens, apesar de não excluir a possibilidade de expandir também para a televisão.

Assassin’s Creed chega aos cinemas em 21 de dezembro de 2016.