1- Você já ouviu o canto da baleia azul? É excelente para relaxar e meditar. Você pode conciliar inclusive com um exercício de respiração. Inspire e expire apenas pelo nariz. Procure contar o tempo de inspiração e expiração. Mantenha o tempo de inspiração sempre menor que o de expiração. Por exemplo: Se você encheu plenamente os pulmões de ar em quatro segundos, procure expirar em seis. Você encontra o canto da baleia azul disponível para download facilmente, além de estar disponível também no YouTube.


2- Você sabia que um dos grandes clássicos da literatura é inspirado na história de uma baleia? Sim, Moby Dick, de Herman Melville é um excelente desafio de leitura, com seu extenso número de páginas. O livro narra uma história inspirada em fatos reais, de uma baleia cachalote que afundou uma embarcação, deixando todos os seus tripulantes a ermo no meio do mar. O livro foi revolucionário, misturando aventuras imaginativas com trechos de não ficção sobre pesca, arpões, embarcações e tipos de baleia. Dentre elas, a azul.


3- Em 2013, o filme “As Aventuras de Pi” foi o mais premiado no Oscar, levando 4 estatuetas, incluindo a categoria “Melhor Fotografia”. O trecho escolhido para representar o filme na categoria foi a cena em que a enorme baleia azul faz um pulo que enche o barquinho de Pi de água, em meio a noite totalmente estrelada. A cena é belíssima e vale a pena ser revista.


4- Você sabia que algumas espécies de baleia tem o comportamento bastante altruísta? A baleia jubarte, por exemplo, coloca animais menores como focas e leões marinhos que estão em perigo, nas suas barbatanas ou no próprio dorso do seu corpo, de forma que fiquem fora do alcance dos predadores. Os cientistas acreditam que a baleia-jubarte responde a vocalizações de mamíferos que estejam a ser atacados mesmo sem saber quais são as suas espécies. Um belo exemplo a ser praticado, sem dúvida.


5- Você sabia que é possível, através do turismo ecológico, observar baleias em diversas partes do continente? Bahia, Santa Catarina, Portugal, Estados Unidos e Nova Zelândia são apenas alguns desses lugares. Além de ser uma visão belíssima, viajar sempre faz bem. Viaje mais.


Essas são apenas algumas coisas que me vem na cabeça quando penso na baleia. Animais gigantescos que fazem a beleza da natureza parecer ainda mais indecifrável. Animais que nos inspiram para meditação, literatura, cinema, fotografia, arte, viagens. Me parece forçado demais utilizar a baleia como símbolo de uma ideia para causar mal aos outros e a si mesmo. Os desafios das baleias são grandiosos e belos demais para isso.