Pode vir quente que estou fervendo, lá lá lá lá lá…

No livro O Erro, Logan e Grace poderiam sair cantarolando essa música um para outro o tempo todo, todavia a grande questão é que Logan e Grace são, sem sombra de dúvida, o casal mais improvável do mundo. O melhor desse livro é exatamente a forma despretensiosa que os dois se encontram.

Apesar de ser uma série, cada livro conta a história de um casal. O primeiro livro da série lançada pela Editora Paralela é “O Acordo”, o segundo volume “O erro”. A série ainda conta com The Score e The Goal .

Quem é o Logan? É um jogador de hóquei super sexy e lindo com um belo par de olhos azuis. Ele pega geral na faculdade, costuma ir muitas festas de faculdade, bebe todas e se agarra com qualquer uma sem compromisso. Para Logan, mais vale quantidade do que qualidade. O cara é bonitão e TUDO mais, mas essa pegação também é uma fuga, ele está apaixonado pela namorada do melhor amigo, então o jeito que ele encontrou para esquecer a garota é se concentrar em muitos corpos. Diga-se de passagem, que as moças da faculdade não andam reclamando de nada.

Quem é Grace? É uma menina super inteligente, bonita, gosta de filmes de ação e sonha em ser psicóloga. Ela é boazinha, sem ser uma topeira como costumam ser as mocinhas. Tem um tom sarcástico na medida e tem uma melhor amiga que é uma versão feminina do Logan. Nas festas, Grace é aquela que sai no zero a zero.

Se Logan e Grace são opostos? Imagina, são tipo o céu e o inferno, o doce e o salgado, o branco e o preto, mas como já cantava o Teatro Mágico, “os opostos se distraem, os dispostos se atraem” e o que não faltou foi disposição quando se conheceram.

Um belo dia, Logan resolveu fugir de casa para ficar longe do seu amor platônico e foi para uma festa que achava que era no campus de Grace. Todo mundo na faculdade conhecia Logan, afinal ele era a estrela do hóquei, mas ele nem fazia ideia de quem era a Grace. O destino resolveu trabalhar e ele acabou batendo na porta do quarto de Grace por engano e ainda pediu o celular dela para chamar um taxi para voltar para casa, entretanto Grace estava assistindo um filme de ação e Logan se ofereceu para assistir também, mas tudo aconteceu de forma despretensiosa, bem ao acaso.

A partir desse dia, os dois se envolvem de forma muito caliente. Há entre eles química, física, biologia, matemática e muito mais.

O conteúdo do livro é adulto, mas tem muito amor também. Elle define o relacionamento deles com uma palavra “Pertencimento” e já não preciso dizer mais nada.

O que há de mais especial do que pertencer um ao outro? Nada, então aparece o amor de forma piegas, clichê, cafona mesmo, que é o que todo mundo quer encontrar e viver.

E meninas, procurem um Logan por aí, por que além de tudo o que já foi dito acima, esse cara é intenso, escreve poemas ruins e saber rastejar quando comete um erro.

Sinopse

Logan parece viver uma vida de sonhos. Com um talento incrível para jogar hóquei e um charme inato para conquistar mulheres, ele é uma das maiores estrelas da universidade de Briar. Mas por trás do característico sorriso maroto, ele esconde duas grandes angústias: a primeira, estar apaixonado pela namorada de seu melhor amigo. A segunda, saber que sua vida, após a formatura, se tornará um beco sem saída. Um dia, por acaso, ele conhece Grace, uma garota tão encantadora quanto intrigante. Tudo nela parece ser original e deliciosamente contraditório: tímida, mas ao mesmo tempo vibrante. Doce, mas ao mesmo tempo forte e confiante. A cada encontro, Logan se vê mais e mais envolvido. Mas um grande erro colocará o relacionamento desses dois jovens em risco. Agora, Logan terá que se esforçar para reconquistar Grace – nem que para isso ele precise amadurecer e encarar de frente as suas questões mais profundas e doloridas. Conteúdo adulto