Com um pouco mais de um mês após o lançamento do ultimo filme da trilogia inspirado no livro O Hobbit é bem provável que muitas pessoas ficaram curiosas para saber como tudo começou. Como surgiram aqueles seres presentes no filme? Como surgiu todo aquele universo? A resposta está em um livro chamado O Silmarillion, escrito por J. R. R. Tolkien. Mas antes de falar sobre o livro, vamos conhecer um pouco sobre a pessoa cuja a mente está por trás de tudo.

John Ronald Reuel Tolkien, conhecido por todos como J. R. R. Tolkien, foi um célebre escritor, professor universitário e filólogo britânico. Tolkien nasceu em 3 de janeiro de 1892 e faleceu em 2 de setembro de 1973. Dentre suas inúmeras obras, podemos citar algumas famosas: O Senhor dos Aneis, O Hobbit e O Silmarillion.

Primeiramente, segue uma pequena introdução do livro:

“O Silmarillion, publicado agora, quatro anos após o falecimento do seu autor, é um relato dos Dias Antigos, a Primeira Era do Mundo. Em O Senhor dos Anéis, foram narrados os grandes eventos do final da Terceira Era; as histórias de O Silmarillion, no entanto, são lendas derivadas de um passado muito mais remoto, quando Morgoth, o primeiro Senhor do Escuro, habitava a Terra-média, e os altos-elfos guerrearam com ele pela recuperação das Silmarils.”

Dividido em partes, O Silmarillion narra desde a criação do universo, mostrando detalhadamente cada lugar ou criatura que vive nesse mundo e se estende até o momento da partida dos elfos da Terra média. Durante toda a leitura nos deparamos com personagens talvez nunca ouvidos, mas que são essenciais para toda história que Tolkien escreveu. E também vemos no livro personagens conhecidos pela maioria das pessoas.

Pode-se dizer que O Senhor dos Aneis ou O Hobbit é a ponta de um iceberg, pois em O Silmarillion vemos o quão grande e fascinante é o mundo criador por J. R. R. Tolkien.

Segue um vídeo que mostra um resumo do livro: