Não é um CSI da vida, Homeland foi uma série que me fisgou de uma forma inexplicável, foi indicação de amigo ♥ (agradeço por isso Chié) e eu precisava escrever sobre ela, a série esta na sua 4ª temporada, com muita adrenalina e tensão ela trata do fator ‘terrorismo nos Estados Unidos‘.

A série começa mostrando como é feito o trabalho da CIA (Central Intelligence Agency), como é tratado cada parte da mesma, o que acontece nos bastidores, Homeland tem direção de Chip Johannessen, Michael Klick, Howard Gordon, Alex Gansa, Gideon Raff e Michael Cuesta, foi baseada na série israelense Hatufim criada por Gideon Raff. Elenco composto por Claire Danes, Damian Lewis, Morena Baccarin, David Harewood, Diego Klattenhoff, Jamey Sheridan, David Marciano, Navid Negahban, Jackson Pace, Morgan Saylor e Mandy Patinkin.

Sinopse da primeira temporada:

Homeland segue Carrie Mathison, uma oficial de operações da CIA que, depois de conduzir uma operação não autorizada no Iraque, é colocada em liberdade condicional e transferida para o Centro Contraterrorista da CIA em Langley, Virgínia. Enquanto conduzia a sua operação no Iraque, Carrie foi avisada por uma fonte que um prisioneiro de guerra americano passou para o lado da Al-Qaeda.O seu trabalho é complicado quando o seu chefe, David Estes, a chama junto com seus colegas para uma reunião de emergência. Nela, Carrie descobre que Nicholas Brody, um sargento dos Fuzileiros Navais que desapareceu durante o serviço em 2003, foi resgatado durante uma incursão da Delta Force num complexo pertencente a Abu Nazir. Carrie passa a acreditar que Brody é o prisioneiro de guerra que sua fonte tinha falado. Entretanto, o governo federal e seus superiores consideraram Nicholas Brody como um herói. Percebendo que seria quase impossível convencer estes a colocar Brody sob vigilância, Carrie pede ajuda da única pessoa que ela pode confiar, Saul Berenson. Os dois começam a trabalhar juntos para investigar Brody e impedir um novo ataque em solo americano.

O que mais me mante vidrada na série é como ela consegue lhe deixa atendo aos detalhes, a forma como a vida é tratada, os teste piscologicos que podem facilmente ser burlados, ou a forma que um homem vivi uma vida que não é a dele depois de anos longe de casa, a série mostra a vida de uma família desfeita depois de 8 anos de espera, a mulher esperou 6 anos pelo marido, até receber a noticia que ‘ele estaria morto’ então deu espaço para a sua vida então Jessica começou a namorar Mike o melhor amigo do seu marido (até então falecido), capta também a historia dos filhos que não conviveram com o pai, Dana é uma filha rebelde aos 16 anos que ao desenrolar da temporada consegue captar momentos perturbados de seu pai, Chris é o filho um menino na faixa dos seus 12 anos que não faz ideia do que acontece a sua volta. Uma família que muda completamente com a volta do Sargento Brody para a casa.

O Desenrolar de toda essa história gira em torno de Brody, Carrie e Nazir (terrorista). Série mais que viciante!