O episódio 22 foi muito bom, e vai me dando aquele aperto no coração ao lembrar que a season finale já está batendo na porta </3 Infelizmente, parece que não teremos nenhuma manifestação da força da aceleração no Wally e na Jesse, por enquanto. Mas já é possível ver a essência de heroi crescendo no Wally, e tenho certeza de que ele será um bom Kid Flash.

Depois de tanto tempo vendo o Barry inseguro e sem saber o que fazer, foi bom vê-lo todo felizinho e confiante, MAS como tudo que é bom dura pouco, eu sabia que algo daria errado, e foi tiro e queda. Por mais que o Henry não tenha tido uma participação muito grande na série, ele tinha uma grande importância, e vai fazer falta. (Como não chorar junto com o Barry na cena da morte do pai dele??? Não tem jeito!)

No final do episódio anterior, vimos que Zoom recolheu inúmeros meta humanos malvados pra dominar Central City, criando a maior expectativa. Porém, com exceção da Sereia Negra, que deu um pouco mais de trabalho (Ela foi maravilhosa, até achei que formaria um belo casal do mal com o Zoom, confesso) , esse exército da Terra 2 foi bastante subestimado e sumiu de uma hora pra outra. Eu sei que foi importante pra mostrar que Barry estava mais rápido, mas esperava uma participação maior deles.

Caitlin finalmente voltou para o time Flash (YAY), mas não está nada bem. A série fez um bom trabalho mostrando que um relacionamento abusivo não é brincadeira e que pode gerar sérios problemas psicológicos para a vítima, mesmo depois que ela está a salvo, como foi o caso da Caitlin. Ela teve uma experiência horrível no tempo em que ficou presa e tem consciência de que seu carcereiro pode fazer as piores coisas pra se satisfazer, assim como ele já fez. Torço para que ela fique bem logo, porque a nossa Snow é uma das melhores personagens, sem sombra de dúvida.

O que acharam do episódio? Comentem!