Com o inicio da Fall Season 2015/2016  retornam, também, os nossos resumos semanais de audiências e ratings. Aqui poderás saber como se sairam as suas séries favoritas semanalmente.

Domingo, 20 de Setembro 2015

Nada melhor para impulsionar o começo da Fall Season do que os 67th Primetime Emmy Awards. A emissão da cerimónia esteve a cargo da FOX e embora houvesse categorias mais incertas este ano, a cerimónia registou 11.9 milhões de espectadores e um rating de 3.6, perdendo cerca de 20% em ambos os parâmetros em relação aos Emmys do ano anterior, emitidos na NBC em uma segunda-feira, e sendo um dos piores resultados  da cerimónia. Uma das causas para a descida pode estar no facto de na NBC ser noite de Futebol Americano. Ou será que os americanos não gostaram de Andy Samberg?

2.ª feira, 21 de setembro 2015

Agora sim, começando a falar de séries, começaram as estreias e os retornos que todos aguardavam.

Castle deu início a sua 8.ª temporada com 6.8 milhões de espectadores e um rating de 1.2, resultados que se situam abaixo tanto do season premiere do ano passado, como do final da 7.ª temporada. Arrancar com um series low não é muito bom prognóstico.
A 2.ª temporada de Gotham (4.6 milhões/1.6) também estreou em falso, descendo bastante em relação ao primeiro episódio da série – que passou os 8 milhões – mas esteve a par com os resultados obtidos no series finale da 1.ª temporada. Na FOX houve tempo, também, para a estreia de uma das adaptações de cinema a TV do ano, Minority Report. A série que continua a história do filme estrelado por Tom Cruise obteve fracos resultados para uma estreia, com apenas 3.1 milhões de espectadores e um rating demográfico de 1.1.

Outra das estreias da noite  que teve lugar na NBC, com 10.6 milhões de espectadores e 3.1 de demo, Blindspot parece ter conquistado a atenção dos americanos.

The Big Bang Theory (18.2 milhões/4.7) e NCIS: LA (8 milhões/1.2) regressaram com descidas. Scorpion (11 milhões/2.2) manteve-se nos valores do season finale passado. Já Life in Pieces, a nova comédia da CBS, conquistou 11.3 milhões de americanos, registando um rating de 2.6, o que lhe dá o título de comédia com melhor lançamento desde 2 Broke Girls em 2011.

3.ª feira, 22 de setembro 2015

The Muppets traz sempre um sentimento de nostalgia e, talvez por essa razão, o lançamento da nova série do Sapo Cocas e companhia conseguiu um brilhante resultado de 9 milhões/2.9. É a melhor estreia da ABC desde How To Get Away With Murder.

Os retornos foram vários e quase todos em marcos próximos dos obtidos com os seus series finale da temporada passada. Os números são os seguintes: Fresh Off the Boat (6.1 milhões/1.9), NCIS (18.2 milhões/2.5) e NCIS: New Orleans (12.6 milhões/1.7).

Quanto a estreias, Limitless, outra adaptação do cinema à TV, que contou com a aparição do protagonista do filme (Bradley Cooper) no episódio piloto, conseguiu 9.9 milhões/1.9, resultado que pode parecer bom à primeira vista, mas que não é assim tão impressionante no caso da CBS. Scream Queens, uma das novas apostas da FOX que estreou com 4 milhões de espectadores e 1.7 de rating demográfico, bem melhor que as anteriores ocupantes da vaga na programação (Utopia com 2.5 milhões/0.9 e New Girl/Mindy Project com uma média de 2.9/1.5)

4.ª feira, 23 de setembro 2015

Foi o dia do retorno do fenômeno de audiências do ano passado! A 2.ª temporada de Empire entrou em palco com 16.2 milhões de espectadores e um rating de 6.7.
Se recuarmos ao início e ao fim da 1.ª temporada da série, protagonizada por Taraji P. Henson, os resultados foram 9.9milhões/3.8 e 17.6 milhões/6.9 respetivamente, sem descidas pelo caminho. Isto quer dizer que, comparando ambos os premieres, Empire subiu 64% em audiências e 76% em rating de uma temporada para a outra. Comparando este premiere com o finale da 1.ª temporada, observamos uma ligeira descida de 8% e duas décimas. Resultados que apostamos que vá  se recuperar ao longo dos próximos episódios.

The Mysteries of Laura (7.1 milhões/1.2), The Middle (8.2 milhões/2.1), The Goldbergs (7.6 milhões/2.4), black-ish(7.3 milhões/2.4) e Modern Family (9.5 milhões/3.2) foram as comédias a regressar, todas elas com resultados acima dos finais de temporada passados.

Nashville (4.9 milhões/1.2) perdeu 14% em relação à abertura há um ano atrás, mas esteve também acima do finale. Foi ainda dia de estreia para Rosewood (7.5 milhões/2.4) na FOX.

5.ª feira, 24 de setembro 2015

É, possivelmente, uma das estreias mais aguardadas que já estreou nos Estados Unidos. Heroes Reborn iniciou na quinta-feira passada com 6.1 milhões de espectadores e um rating de 2.0, valores que, quando comparados com o final de Heroes (4.4 milhões/2.0) em 2010,  ultrapassam em audiência e igualam em demo. O resultado de audiências de Reborn ultrapassa até o premiere da última temporada da sua série original, embora fique muito aquém de todos os outros premieres de temporada da série (todos acima dos 10 milhões).

The Player foi a outra estreia da noite, com 4.9 milhões de espectadores e 1.2 de demo, resultados que não impressionam muito.

Na ABC, a Shondaland volta à carga com novas temporadas de Grey’s Anatomy (9.6 milhões/2.8), Scandal (10.3 milhões/3.3) – a caírem um pouco longe dos premieres das suas temporadas passadas – e How To Get Away With Murder (8.4 milhões/2.6), que apesar do espantoso regresso perdeu duas décimas de demo em relação ao final da 1.ª temporada, embatendo em um series low.

6.ª feira, 25 de setembro 2015

Hawaii Five-0 abriu a sua 6.ª temporada para 8.1 milhões de americanos, tendo conseguido um fraco rating de 1.0, abaixo tanto do lançamento como do final da 5.ª temporada.

Blue Bloods (9.9 milhões/1.3) subiu uma décima em relação ao arranque do ano passado, tendo igualado os resultados do seu último final de temporada em demo, mas baixando bastante em audiências.

Outra a perder em demo foi Last Man Standing (6.3 milhões/1.1).