A Microsoft atualizou as regras de produção de conteúdos para a Xbox One, onde autoriza o jogador a monetizar os vídeos produzidos no console.

As novas regras apenas autorizam essa monetização se for feita diretamente compartilhada do Xbox One e nos meios Twitch e Youtube.

O jogador não está autorizado a usar os vídeos para monetizar noutros meios, não poderá assinar contrato de exclusividade de transmissão.

Se vierem da Xbox One, os vídeos não poderão conter pornografia, descriminação de qualquer espécie, como religião, sexo, género, raça, bem como se o vídeo contiver palavras obscenas, promover a violência, uso de drogas ou outras coisas ilegais.

Neste aspeto muitos vídeos poderão ser banidos do Youtube e Twitch se não cumprirem com estes requisitos, sendo que o criador do conteúdo terá que colocar na descrição do vídeo uma notificação Copyright, que será fornecida pela Microsoft.

De realçar que estas novas regras apenas estão ligadas aos jogos produzidos, distribuídos ou os quais a Microsoft tenha outros diretos de licença.

Todos os outros jogos nos quais a Xbox One é usada para transmitir e criar conteúdos, o critério de monetização ficará ao cuidado de cada distribuidora.

Fonte: Eurogamer