Um homem de 18 anos foi preso no Reino Unido por ser suspeito de ter estado nos ataques DDoS à PlayStation Network e Xbox Live durante a época natalícia, o que resultou em que os serviços ficassem indisponíveis temporariamente.

A investigação está a ser conduzida pelo departamento de ciber-crimes do Reino Unido em parceria com FBI.

“Ainda estamos no início da investigação e há muito trabalho para fazer. Vamos continuar a trabalhar proximamente do FBI para identificar quem cometeu crimes e responsabilizá-los”, disse Craig Jones, que lidera a unidade de ciber-crime”

O suspeito também é acusado de ser responsável pela prática conhecida como Swatting, que é uma partida que consiste em telefonar para a polícia e indicar que alguma coisa perigosa está acontecer em algum lado, normalmente resultando na invasão da SWAT a esse local. Esta partida já aconteceu várias vezes em direto, enquanto os jogadores faziam livestream.

Assume-se de igual modo que o homem em questão pertence ao Lizard Squad, o grupo de hackers responsável pelos ataques às redes das consolas da Sony e Microsoft.

VIA: EUROGAMER